DRAFT5

Try diz que possível ida para a FURIA é "difícil", mas que "gostaria de jogar em uma equipe assim"

Argentino revelação destacou possível ida da 9z para outra região

por Filipe Carbone / 17 de Out de 2021 - 17:00 / Capa: Divulgação/9z

Tido como uma das principais revelações do cenário sul-americano de Counter-Strike: Global Offensive, Santino "try" Rigal apresentou um nível de jogo que o coloca capaz de defender alguns dos principais times do cenário profissional. Em entrevista ao Dexerto na última semana, a joia argentina mostrou ter conhecimento do próprio talento e tudo que poderia fazer em um time mais à frente no cenário.

Questionado sobre a possibilidade de jogar na FURIA, time brasileiro melhor ranqueado atualmente, try não descartou o desejo de se unir ao grupo brasileiro, mas ressaltou que há dificuldades contratuais que impediriam uma possível transferência: "Pode ser um grande passo à frente na minha carreira, mas os contratos e todas essas coisas tornam isso mais difícil".

Ainda assim, try mostrou que os torcedores mais esperançosos podem sonhar um pouco com a possibilidade desta transferência acontecer no futuro. Principalmente por apontar que "gostaria de jogar em uma equipe" como a FURIA. Contudo, disse não enxergar isso como "um passo necessário", mas que depende se o time permanecerá na América do Sul ou tentará alçar voos mais altos.

Continua depois do anúncio

"Um passo necessário? Não sei. Depende do que faremos com a 9z, e se vamos nos mudar para outra região ou não. Meu entendimento é de que iremos. Se mantivermos essa lista, acho que temos uma boa chance de nos classificarmos para o Major no próximo ano. Mas se você está falando de uma equipe argentina completa, não acho que o nível para chegar ao Major esteja lá".