DRAFT5

Team Vitality vence Luminosity Gaming e é campeã da DreamHack Open Atlanta 2018

Equipe brasileira luta, mas não é párea para franceses que levantam o caneco da competição

por Edmilson Junior / 18 de nov de 2018 - 22:52 / Capa: DreamHack
Luminosity Gaming e Team Vitality decidiram a DreamHack Open Atlanta 2018. Os brasileiros foram valentes, mas não foram capazes de evitar a derrota para os franceses. O destaque da partida ficou por conta de Dan "apEX" Madesclaire, que ficou com frag 49-25.

Luminosity Gaming 0 vs. 2 Team Vitality


Luminosity Gaming 4x16 Team Vitality – Mirage

Começando de CT, foi a Vitality que venceu o primeiro pistol. Logo em seguida, pontuou novamente. No armado, os franceses frustraram o rush brasileiro, garantindo mais um round.

A Luminosity não tinha consistência em seus avanços e via seus adversários abrirem larga vantagem. Isso mudou quando Lucas “steelega” Lopes fez um fake no bombsite B e sua equipe foi para o bombsite A, garantindo seu primeiro ponto.

Na sequência, a equipe francesa quebrou a economia brasileira, mas não aproveitou o round seguinte e a Luminosity chegou ao segundo ponto. Logo em seguida, com belo avanço para o bombsite A, os brasileiros pontuaram novamente.

Desta vez, quem estava sem economias eram os franceses, que não evitaram o rush e viram a LG chegar ao quarto ponto. Porém, os brasileiros não resistiram e perderam o primeiro half por 4x11.

O segundo pistol também foi para a Vitality, com Vincent “Happy” Schopenhauer garantindo um clutch 1vs2. A Luminosity optou por fazer dois rounds econômicos e viu seus adversários chegar ao décimo quarto ponto.

No armado, a equipe brasileira não conseguiu evitar o rush e viu seus adversários fecharem o primeiro mapa, logo na sequência, em 4x16.

Luminosity Gaming 5x16 Team Vitality – Overpass

A Luminosity venceu o primeiro armado, com Henrique "HEN1" Teles levando três adversários. Na sequência, “Lucas "LUCAS1" Teles levou quatro inimigos e garantiu o antieco.

No entanto, os franceses não titubearam e venceram o armado. A Vitality voltou a pontuar no round seguinte, empatando a partida. Sem economias, os brasileiros apostaram na marcação do bombsite A, mas a equipe francesa foi para o bombsite B, passando à frente.

A LG voltou a pontuar quando Vincent “Happy” Schopenhauer desistiu de jogar o round. No entanto, os brasileiros não conseguiram evitar o rush francês e tiveram suas economias resetadas. Nathan “NBK-“ Schmitt, aproveitando-se da falta de armamentos inimiga, fez quádrupla eliminação, garantindo mais um ponto para a Vitality.

A equipe brasileira chegou a pontuar novamente, mas os franceses estavam com muita superioridade, impedindo que a LG fizesse uma marcação consistente. Sem oferecer resistência, os brasileiros viram a Vitality vencer o primeiro half por 4x11.

No segundo pistol, Lucas “steelega” Lopes conseguiu fazer dupla eliminação, garantindo mais um ponto para a LG. Porém, Mathieu “ZywOo” Herbaut conseguiu cinco eliminações no round eco, deixando a equipe francesa em situação confortável no mapa.

A equipe brasileira fez um avanço rápido para o bombsite B. Gabriel "NEKIZ" Schenato chegou a fazer tripla eliminação, mas a vantagem de armamentos, impediu mais um ponto brasileiro.

No armado, os brasileiros fizeram um avanço pelo fundo, garantindo quatro eliminações em direção ao bombsite A. Logo, fizeram a rotação e garantiram mais um ponto. No entanto, os franceses não se abateram e fecharam o segundo mapa em 5x16.
Continua depois do anúncio