DRAFT5

TACO se diz impressionado com "falta de respeito" dos novos jogadores de CS com os mais veteranos

TACO opinou sobre o tratamento que os veteranos do CS vêm recebendo dos jogadores mais novos; falou sobre a boa relação entre os jogadores do MIBR e dead e ainda falou sobre a solução do conflito de interesse do Made in Brazil com a Yeah

TACO se diz impressionado com "falta de respeito" dos novos jogadores de CS com os mais veteranosFoto por: Lucas Spricigo/DRAFT5
É de praxe, em grande parte das modalidades, os atletas consagrados terem o respeito dos mais novos por todo o caminho percorrido e os feitos realizados. Mas parece que isso não vem acontecendo no Counter-Strike, pelo o que afirmou Epitácio "TACO" Pessoa na primeira edição do OVERTIME.

"É impressionante, hoje, andar nos campeonatos que a gente participa e (ver) os jogadores mais novos não olhar na sua cara para dar um 'Oi'. Pra que ser mala? É uma coisa que eu não consigo entender", opinou o duas vezes campeão de Major por Luminosity Gaming e SK Gaming.

"Essa falta de respeito afasta os jogadores", classificou.

Para dar mais contexto a opinião, TACO lembrou da relação que ele e os companheiros tinham com a antiga formação da Virtus.pro,  a composta por grande parte do lendário quinteto polonês campeão de tudo na época do CS 1.6.


Respeito, inclusive, é o que não falta entre os jogadores do MIBR e Ricardo "dead" Sinigaglia, o gerente da equipe e quem também vem desempenhando o papel de treinador desde a saída de Wilton "zews" Prado.

"Não é a função que ele mais gosta de fazer, que ele nasceu fazendo. Mas vale lembrar que o único coach que tem mais título do que o dead é o zonic", disparou.

Sobre a relação de dead com grande parte dos integrantes da equipe, TACO disse que o manager "é um paizão para a gente. Tudo o que ele fez, foi por amor ao jogo e ao nosso time. É um cara que dá a vida pelo nosso time".

"São coisas que o público não vê. São coisas que acontecem nos bastidores e ninguém tem acesso e ele não fala porque ele não gosta de holofote. É uma pessoa que respeitamos muito e, para estar na posição que está hoje no nosso time, tem que ser alguém que respeitamos. A pior coisa que tem é você estar numa posição de liderança e seus atletas não te respeitarem", completou.


No OVERTIME, TACO também falou sobre a relação dos integrantes do MIBR e os jogadores da Yeah, e deixou claro que "no futuro próximo" será revelado a solução sobre o imbróglio da relação entre as duas equipes.

Segundo TACO, a relação entre as duas equipes "é de parceria. Não costumo falar com eles como patrão, mas sim como meus colegas de trabalho e pessoas que trabalham comigo, na mesma profissão que a minha".

"Deixamos o lado mais profissional com a Camila, a CEO da Yeah, enquanto o contato que tenho com os meninos é pessoal. A gente troca muita experiência de CS, assim como faço com várias outras pessoas" completou".

Quando questionado sobre a solução do conflito de interesse entre MIBR e Yeah, TACO deixou claro que "essa parte a gente deixou 100% na mão da Camila. A única coisa que posso adiantar é que a solução mais justa possível dentro de todas as regras e requisitos da Valve será divulgada em um futuro próximo".

"Apesar da minha participação como sócio, meu foco está na minha carreira como jogador", garantiu.


O mais novo integrante do MIBR Alencar "trk" Rossato é também o mais novo grande amigo de TACO, que no OVERTIME revelou que antes da chegada do jogador não conhecia o ex-Team oNe.

"É um cara muito gente boa, de coração gigantesco. Eu não o conhecia antes de entrar no MIBR. Ter esse período dá uma proximidade na nossa relação pessoal", afirmou.

"Relação e profissional estão interligadas. É uma coisa que eu falava sempre para o cold: 'as pessoas perguntavam para mim como era jogar com ele, aí eu olhava para o lado e estava um dos meus melhores amigos. Eu confio no cara e vou confiar no jogo dele também. Se ele estiver jogando mal eu vou tentar fazer de tudo para compesar ele. Lógico que tem times que funcionam mesmo com a galera não se gostando, mas eu prefiro ter essa boa relação pessoal além da profissional", completou.

Gamers Club
Faça parte da maior comunidade de CS:GO da América Latina. Na Gamers Club você pode jogar campeonatos, aprender com jogadores profissionais e iniciar sua carreira no cenário competitivo. E ainda pode jogar com seus amigos apenas por diversão. Venha viver o game.
Conheça a Gamers Club

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Saiba Mais Sobre

Notícias Relacionadas