DRAFT5

Histórias de Major - EMS One Katowice 2014

Torneio aconteceu na Polônia e teve equipe da casa como campeã

por Gabriel Melo / 19 de out de 2021 - 21:00 / Capa: Arte por DRAFT5

Katowice, na Polônia, foi a segunda cidade a receber uma edição dos torneios apoiados pela Valve, o EMS One Katowice 2014. Acontecendo de 13 a 16 de março, a competição teve como casa a Spodek Arena, local que, com o passar dos anos, se tornou o point dos esportes eletrônicos naquele país.

Assim como o DreamHack Winter 2013, o EMS One Katowice 2014 contou com a participação de 16 equipes e premiação de $250 mil. Na lista de participantes estavam os oito melhores times do Major anterior, que receberam status Legends, e os Challengers, formados pelos convidados iBUYPOWER e Natus Vincere, além de seis equipes classificadas.

As equipes iniciaram na competição divididas em quatro grupos e se enfrentando no sistema de eliminação dupla, com todos os duelos em MD1. Os dois melhores de cada chave avançaram para o mata-mata, conseguindo assim status de Legends e, consequentemente, vaga direta no Major seguinte. Além disso, a fase final foi em eliminação dupla e os confrontos acontecendo em MD3.

Grupo A
Virtus.pro
HellRaisers
Titan
mousesports

Grupo B
NIP
LDLC
3DMAX
Vox Eminor

Grupo C
Dignitas
fnatic
Reason
iBUYPOWER

Grupo D
Complexity
LGB
Clan-Mystik
Natus Vincere

Nesse torneio, fnatic e Ninjas in Pyjamas chegaram com ponta já que foram as finalistas da DreamHack Winter 2013. A dupla, contudo, não era a única que fazia parte do grupo de favoritos. Titan era, na época, o time considerado Top 1 do mundo, e tinha a Dignitas, que serviu de base, anos depois, para a vitoriosa Astralis.

Deste quarteto, apenas Titan não conseguiu desempenhar da forma que todos esperavam. O time liderado por Kevin "Ex6TenZ" Droolans foi eliminado ainda na fase de grupos. Em contrapartida, duas sensações da época, Complexity e LGB, entreteram o público com os bons resultados pelo Grupo D, avançando assim para o mata-mata.

Outra surpresa da competição aconteceu nas quartas de final, quando a LGB levou a melhor sobre a fnatic, de virada, em um embate entre elencos suecos. Apesar do time de Olof "olofmeister" Kajbjer na época ser uma postulante a gigante do cenário, muitos davam como vitória certa para a fnatic.

O restante da fase final continuou com as equipes consideradas favoritas vencendo. Vice-campeã do primeiro major, Ninjas in Pyjamas conseguiu chegar a mais uma final, enfrentando não só a Virtus.pro, mas também uma Spodek Arena lotada de poloneses torcendo para Filip "NEO" Kubski e companhia.

Continua depois do anúncio

Os Ninjas chegaram na decisão com pompa já que tinham um Cristopher "GeT_RiGhT" Alesund voando com os +80 de KD Difference e 1.52 de rating. Mas como em qualquer esporte, no Counter-Strike o jogo também é jogado e nesta grande final a Virtus.pro mostrou o por que, na modalidade, tem alguns dos jogadores que são considerados os maiores de todos os tempos.

A final começou na Mirage, mapa no qual Virtus.pro arrasou a defesa dos Ninjas e fechou a metade inicial vencendo por 11 a 4. O 2º half até foi equilibrado, com NIP marcando mais alguns pontos, mas os poloneses não deixaram a rédea da partida escapar das mãos e fecharam o jogo em 16 a 10.

As equipes seguiram para Inferno, onde, mais uma vez, Virtus.pro não deu chance para os Ninjas na metade inicial, mas agora defendendo, com parcial de 11 a 4. De TR, os poloneses apenas administraram a vantagem até fecharem o jogo em 16 a 10.

Com exceção de Wiktor "TaZ" Wojtas, os demais jogadores da Virtus.pro terminaram positivo na série, com destaque para Janusz "Snax" Pogorzelski, que conseguiu KD-Difference e +30 e rating de 1.60. Ao fim do torneio, Jaroslaw "pashaBiceps" Jarzabkowski foi eleito o MVP do Major.

Elenco campeão
Wiktor "TaZ" Wojtas
Jaroslaw "pashaBiceps" Jarzabkowski
Filip "NEO" Kubski
Janusz "Snax" Pogorzelski
Paweł "byali" Bieliński

Com o título, Virtus.pro garantiu a premiação de $100 mil e vaga direta no Major seguinte, o ESL One Cologne 2014, assim como também Ninjas in Pyjamas, Dignitas, LGB, Complexity, HellRaisers, Team LDLC e fnatic.