Notícias, horários e resultados do IEM Rio Major 2022 em nosso hub exclusivo
Clique aqui

Gaules comenta situação brasileira no RMR das Américas após primeiro dia

Ele ainda comenta ser triste ver tanta equipe verde-amarela quase fora do páreo por uma vaga no Rio de Janeiro

por Lucas Gerardi / 05 de Out de 2022 - 19:30 / Capa: Foto: Divulgação/Gamers Club

O primeiro dia de RMR das Américas não foi tão bom com as equipes brasileiras. Sem nenhuma representante finalizando a estreia do campeonato com duas vitórias, Alexandre "Gaules" Borba comentou sobre a situação das equipes brasileiras no campeonato e suas chances de classificação.

"Não são nem cinco, nem seis. Já estamos nas quatro vagas, tigrão. Tá ruim quatro vagas? Não tá", comenta Gaules com Michel "mch" D'Oliveira sobre a quantidade de equipes brasileiras que ainda possuem chance de agarrar uma vaga. "Dois é garantidíssimo, a parada é sonha pelo três ou quatro (vagas)", complementa mch.

Posteriormente, Liminha comentou sobre a complicação dos brasileiros e cravou: "Sabe o que é duro, Michel? Estamos no máximo quatro [!vagas!] no primeiro dia". Com jogos para serem disputados até o domingo (9), com sete representantes os fãs brasileiros já veem duas equipes com resultados negativos, sendo essas Arctic eSports e LOS + oNe.

Enquanto isso, quatro organizações não-brasileiras fecharam o primeiro dia com duas vitórias: Complexity Gaming, Team Liquid, 9z Team e Evil Geniuses. Por outro lado, MIBR, Imperial Esports, FURIA, paiN Gaming e O PLANO fecharam o dia de estreia com resultados neutros, ganhando uma e perdendo outra.

Com quatro equipes de fora finalizando o dia com resultado positivo, o sonho de muitas equipes brasileiras de garantir um lugar na Cidade Maravilhosa fica cada vez mais distante. Questionado sobre se três brasileiros no IEM Rio Major 2022 seria ruim, Gaules explica seu ponto de vista.

Continua depois do anúncio

"Três é legal. O que eu acho que é a questão aqui, é que estamos no sonho de que o Major é no Brasil. Se não fosse aqui, três estava legal. Mas como é no Brasil, acho que a minha frustração e a de todo mundo que está frustrado, é que a gente queria ver mais jogadores brasileiros realizando o sonho de jogar no Rio de Janeiro", comenta Gaules.

"Se a gente ta falando de dois times, vamos imaginar que passe uma FURIA e uma Imperial. Pô, a gente vai ficar sem ver o coldzera, TACO, kNg, o pessoal do MIBR jogar o Major do Brasil? O fod* é isso. A cada vaga que a gente perde, começamos a imaginar que as pessoas que a gente gostaria muito de ver o Major aqui não vão estar lá", finaliza.

O RMR das Américas continua nesta quinta (6), com jogos a partir das 8h30 (de Brasília). Você pode ficar por dentro de todos os resultados, além de matérias especiais e entrevistas na nossa página especial do campeonato.