"É incrível estar de volta": kennyS celebra retorno, mas reconhece: "Muito trabalho pela frente"

Lendário sniper acredita que segue sendo um dos melhores do planeta

por Lucas Benvegnú / 16 de Nov de 2022 - 16:25 / Capa: Divulgação/Falcons

Em entrevista publicada pelo Dexerto.com na última terça-feira (15), mesmo dia em que Kenny "kennyS" Schrub foi anunciado como reforço da Falcons, o lendário AWPer francês dissertou acerca de seu retorno às competições após mais de 18 meses parado:

"Creio que eu mereça uma última oportunidade de terminar minha carreira de uma forma que não seja no banco. Sou grato por ter a oportunidade de fazer diferente. É incrível estar de volta. Estou muito feliz", contou o atleta.

Durante o período no banco de reservas da G2, kennyS acabou ficando de fora de três Majors. O francês, todavia, fará de tudo para que tal infortúnio não se repita no primeiro campeonato a ser chancelado pela Valve em 2023:

"Já joguei muitos Majors e ficar de fora do Major do Rio foi um pouco doloroso. Pelo menos tentar se classificar ao Major de Paris é algo que eu realmente quero. É meu maior objetivo e farei de tudo para alcançá-lo", garantiu o sniper.

kennyS é um dos mais condecorados jogadores de todos os tempos | Foto: Divulgação/FalconskennyS é um dos mais condecorados jogadores de todos os tempos | Foto: Divulgação/Falcons

"Se eu não acreditar em mim mesmo, quem vai? É um pouco difícil voltar após quase dois anos sem competir. Estou ciente da quantidade de trabalho que tenho pela frente, mas sei que continuo sendo um dos melhores jogadores do mundo, mecanicamente falando", disse.

Continua depois do anúncio

Por fim, kennyS, que chegou a ponderar a migração para o VALORANT em múltiplas ocasiões, se diz feliz por não ter rumado ao FPS rival e assegura que não foi fácil optar por voltar a competir no Counter-Strike:

"Não estou preocupado com meu nível, mecanicamente falando. Sei que voltará realmente rápido, mas eu tenho que alcançar as coisas que estão no meta. Tenho muito trabalho pela frente e estou ciente desse desafio. Não foi uma decisão tomada da noite para o dia. Eu acredito em mim mesmo", pontuou.