DRAFT5

Coldzera pede para ir para o banco da FaZe Clan: "optei por analisar uma nova proposta para o futuro"

Relação do jogador brasileiro com a organização pode estar perto do fim após duas temporadas

Coldzera pede para ir para o banco da FaZe Clan: "optei por analisar uma nova proposta para o futuro"Foto por: Reprodução/HLTV

Uma das contratações mais estupefatas do cenário competitivo de Counter-Strike: Global Offensive de todos os tempos, Marcelo "coldzera" David pode estar perto de encerrar relações com a FaZe Clan. Após rumores indicarem a saída do jogador do elenco principal, o brasileiro revelou, nesta terça-feira (1º), que pediu para deixar de fazer parte do time.

"Depois dos resultados que tivemos recentemente, e também com o pouco tempo que ainda me resta dentro da FaZe, optei por ia para o banco de reservas e analisar uma nova proposta para o futuro. Queria agradecer à FaZe e a todos os fãs e jogadores", disse.

Na manhã desta terça-feira, Olof "olofmeister" Kajbjer foi visto nos servidores treinando no lugar do brasileiro, que já não estava reunido ao elenco visando as próximas competições. A mais próxima delas será daqui a duas semanas, quando a FaZe Clan disputará a BLAST Premier Spring Final 2021.

A mudança de cold para o status de inativo o coloca de fora da equipe principal para a disputa dos próximos campeonatos. Entretanto, não há informações se a manutenção, com a adição de olofmeister, é temporária. Além disso, ainda não há nenhum sinal de quem poderia ocupar o lugar do brasileiro na organização.

QUASE DOIS ANOS DE HISTÓRIA

O fim da linha de coldzera na FaZe Clan coloca fim a uma história que perdurou desde setembro de 2019. Na ocasião, o jogador havia recém-saído do MIBR e recebeu na organização europeia a chance de dar uma passo adiante na carreira, servindo no primeiro time internacional desde o lançamento para o cenário mundial.

Continua depois do anúncio

Na época, a expectativa da capacidade do elenco montada pela FaZe Clan estava lá no alto, principalmente com coldzera fazendo trio ao lado do bósnio Nikola "NiKo" Kovač e do jovem talento Helvijs "broky" Saukants. Dois meses depois de chegar à nova casa, o quinteto conseguiu levantar o trofeu da BLAST Pro Series Copenhagen 2019.

Foto: Stephanie Lindgren/BLAST Pro SeriesFoto: Stephanie Lindgren/BLAST Pro Series

Com a expectativa lá no alto, a FaZe voltou a performar bem no início da temporada seguinte, mas bateu na trave em diversas oportunidades, caindo em três semifinais seguidas. O título da IEM New York da Europa mostrou que o grupo poderia performar no topo, mas o que se viu depois disso foi só ladeira abaixo.

Nesta temporada, por exemplo, a melhor colocação conquistada pela FaZe Clan foi um segundo lugar no modesto SteelSeries Invitational, perdendo na decisão para a OG. Depois disso, terminou entre 4º/6º lugar e não esteve bem dali para frente. Nos últimos dois eventos, DreamHack Masters Spring 2021 e Flashpoint 3, terminou entre 13º/16º.

Com a mudança, a FaZe Clan passaria a ser representada pelos seguintes jogadores nas próximas competições:

 Håvard "rain" Nygaard
 Finn "karrigan" Andersen
 Helvijs "broky" Saukants
 Russel "Twistzz" Van Dulken
  Olof "olofmeister" Kajbjer

 Robert "RobbaN" Dahlström (Coach)

Marcelo "coldzera" David (Inativo)

Gamers Club
Faça parte da maior comunidade de CS:GO da América Latina. Na Gamers Club você pode jogar campeonatos, aprender com jogadores profissionais e iniciar sua carreira no cenário competitivo. E ainda pode jogar com seus amigos apenas por diversão. Venha viver o game.
Conheça a Gamers Club

Saiba Mais Sobre

Notícias Relacionadas